Page Nav

HIDE

CLDF aprovou a criação de duas RAs: Arapoanga e Água Quente

  A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou em dois turnos, nesta quarta-feira (7/12), a criação de duas novas Regiões Adminis...

 

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou em dois turnos, nesta quarta-feira (7/12), a criação de duas novas Regiões Administrativas propostas pelo GDF. Arapoanga e Água Quente serão, respectivamente, as RAs XXXIV e XXXV na capital.


Os PLs preveem maior possibilidade de investimentos e atenção em ambas as regiões com a oficialização. Em audiências públicas realizadas para discutir o tema no passado, houve aprovação da comunidade e de diferentes representantes de órgãos.

Arapoanga, que faz parte de Planaltina, tem aproximadamente 50 mil pessoas e já é um nome mais comum ao brasiliense. Água Quente, com 30 mil moradores, é uma região que começou a ser formada na década de 1990, dentro do Recanto das Emas, fazendo divisa com Samambaia e Santo Antônio do Descoberto (GO), área predominantemente rural.

Os textos da criação das RAs preveem pontos como a transferência de acervos patrimoniais — das antigas para as futuras administrações —, a inclusão de valores na Lei Orçamentária Anual de 2023 — como despesas com pessoal, despesas correntes e de capital — e o apoio operacional para o funcionamento da administração.

Uma emenda aditiva de autoria das deputadas Arlete Sampaio (PT) e Jaqueline Silva (Agir) garante que conselhos tutelares sejam construídas imediatamente nas duas RAs.

Especificamente em relação a Arapoanga, deputados criticaram o tamanho da poligonal e pediram que o GDF se comprometa a realizar o aumento na próxima legislatura

Com a presença de moradores de ambos os locais nas galerias, a aprovação dos PLs foi aplaudida.

Por Matheus Garzon - Metrópoles