Paolla Oliveira nega declaração sobre atrizes e prostituição

 

A atriz Paolla Oliveira usou suas redes sociais para desmentiu uma fake news envolvendo seu nome e o tema prostituição. Segundo a global, seu nome foi citado por um site de notícias como se ela tivesse declarado à revista Caras que “a prostituição será a única forma de sobrevivência das atrizes da Globo, caso Bolsonaro seja reeleito”.

Em um longo texto no Instagram, a atriz disse que a declaração é “mentira” e que “nunca existiu”.

– Está circulando uma MENTIRA (famosa FAKE NEWS) por aí, de um site que eu nunca ouvi falar, sendo compartilhada sobre uma suposta declaração que eu NUNCA DEI à revista Caras. Nunca existiu. É MENTIRA e é tão ÓBVIO que é mentira. Primeiro que você nunca vai encontrar essa declaração minha falando sobre esse assunto, porque eu simplesmente nunca diria isso, envolvendo uma empresa e outras colegas e profissionais, inclusive. Não tem sentido. Pode jogar palavra por palavra no Google e não encontrará NADA, além da mentira plantada – disse Paolla.

Ainda segundo Paolla, a fake news foi criada para tentar “intimidar” quem critica o governo Jair Bolsonaro. A atriz disse também que continuará se posicionando publicamente.

– Está circulando uma MENTIRA (famosa FAKE NEWS) por aí, de um site que eu nunca ouvi falar, sendo compartilhada sobre uma suposta declaração que eu NUNCA DEI à revista Caras. Nunca existiu. É MENTIRA e é tão ÓBVIO que é mentira. Primeiro que você nunca vai encontrar essa declaração minha falando sobre esse assunto, porque eu simplesmente nunca diria isso, envolvendo uma empresa e outras colegas e profissionais, inclusive. Não tem sentido. Pode jogar palavra por palavra no Google e não encontrará NADA, além da mentira plantada – disse Paolla.

Ainda segundo Paolla, a fake news foi criada para tentar “intimidar” quem critica o governo Jair Bolsonaro. A atriz disse também que continuará se posicionando publicamente.

Por: Pleno.News

Postar um comentário

0 Comentários

Páginas