Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

Sandra Sapatão tentou subornar PMs com R$ 1 milhão em 2010

Presa na tarde desta sexta-feira (21) na cidade fluminense de Saquarema, a traficante Sandra Helena Ferreira Gabriel, 54 anos, conhecida com...



Presa na tarde desta sexta-feira (21) na cidade fluminense de Saquarema, a traficante Sandra Helena Ferreira Gabriel, 54 anos, conhecida como Sandra Sapatão, já figurou na lista dos dez criminosos mais perigosos do estado do RJ, e tem em sua “ficha” uma série de tentativas de suborno para tentar não ser presa, entre elas uma promessa de R$ 1 milhão a policiais militares.

O episódio em questão aconteceu em 2010, durante uma megaoperação da polícia no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio, quando Sandra foi detida junto com Marcus Vinícius da Silva, conhecido como Lambari. Na ocasião, a criminosa teria oferecido R$ 1 milhão a policiais do 3º BPM (Méier) em troca da liberdade dela e do comparsa.

Esse, porém, não foi o único episódio de tentativa de suborno praticado por Sandra. Em 2014, quando foi presa na região conhecida como Fundão, na comunidade do Jacaré, Zona Norte do Rio, a traficante chegou a oferecer R$ 20 mil por guarnição aos policiais que fizeram a detenção. Entretanto, os agentes recusaram a oferta criminosa.

TRAFICANTE ESTEVE ENVOLVIDA EM MORTE DE POLICIAL EM 2017
Sandra também foi incluída como uma das principais suspeitas de envolvimento na morte do Soldado da Polícia Militar do Rio de Janeiro Michel de Lima Galvão, de 32 anos, no Jacarezinho, em 2017. O agente policial morreu no dia 22 de julho daquele ano após ser atingido por um tiro durante um tiroteio na comunidade. Um outro militar também ficou ferido na ação.

O soldado Michel chegou a ser socorrido para o Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã do dia 22. No mesmo confronto com criminosos, outro soldado foi baleado no rosto, mas sobreviveu ao ataque dos traficantes. O soldado Galvão estava há 14 anos na PM do Rio de Janeiro.

Por: Pleno news

Nenhum comentário

Publicidade rodapé