Page Nav

HIDE

Fontenelle chora ao falar de feito de Bolsonaro no Nordeste

  Durante entrevista ao Morning Show, nesta quinta-feira (17), a atriz e apresentadora Antônia Fontenelle se manifestou a respeito de seu em...

 

Durante entrevista ao Morning Show, nesta quinta-feira (17), a atriz e apresentadora Antônia Fontenelle se manifestou a respeito de seu embate com o secretário especial da Cultura, Mário Frias. A artista se disse atacada por algumas militâncias e afirmou que existem pessoas que querem levar o público a acreditar que ela está contra o presidente Jair Bolsonaro.

Fontenelle chorou e disse que nunca deixará de apoiar Bolsonaro. Ela exaltou o governo federal e destacou a liberação de águas do rio São Francisco, na região Nordeste.

– Você sofrer ameaça da esquerda é uma coisa. agora você sofrer ameaça da direita, da militância que não tão pra ajudar o presidente [Jair Bolsonaro]. Eu vou te contar uma coisa: qual é a narrativa deles? Tentar me colocar, tentar fazer com que o público pense que eu estou contra o presidente. Você sabe quando que eu vou ficar contra um homem que que levou água para o Nordeste? Eu sinto vontade de chorar porque eu descia um poço de 50 metros para cavar água barrenta para coar e beber. E esse homem levou água para o nordestino. Você tem noção do que é levar água para o nordestino, que passa sede? Tem noção do que é ir para a escola e ver gado morrendo, agonizando de sede? Eu vim desse lugar. Eu conheço esse lugar. E você sabe quando eu vou ficar contra o Bolsonaro? Nunca! (…) Eu sou aquela mulher que fez uma entrevista quando o presidente Bolsonaro era pré-candidato. E eu fiz uma entrevista decente e honesta com ele, e de lá pretos saíram gostando dele, mulheres saíram gostando dele, gays saíram gostando dele. Eu sou essa mulher que ajudou a colocar o Bolsonaro na Presidência da República porque eu tenho história – falou.