Page Nav

HIDE

Zé de Abreu terá que indenizar Dallagnol por danos morais

  O ator José de Abreu foi condenado a indenizar o ex-procurador e deputado eleito Deltan Dallagnol (Podemos-PR) por danos morais. A decisão...

 

O ator José de Abreu foi condenado a indenizar o ex-procurador e deputado eleito Deltan Dallagnol (Podemos-PR) por danos morais. A decisão foi proferida pelo juiz Ricardo Joaquim de Oliveira, do 11° Juizado Especial Cível de Curitiba, e o valor determinado é de R$ 41.800. Abreu dirigiu ofensas a Deltan por meio de uma publicação no Twitter em 2019.

– O @deltanmd é covarde! Salafrário. Canalha. Traidor da Pátria. Bandido da pior espécie. Impediu o povo brasileiro de eleger livremente seu governante. Fez um powerpoint igual sua cabeça! Cheio de merda – dizia a postagem do ator da Globo

No entendimento do juiz, as ofensas foram de cunho pessoal, ultrapassando o posicionamento político.

– Com relação às postagens, o requerido dirigiu ofensas pessoais ao autor com palavras como “verme, bandido da pior espécie, rato, idiota, imbecil, etc.”, colocações que extrapolam a crítica de posicionamento político, ideológico, ou em relação a atuação do autor no Ministério Público Federal – diz trecho da decisão.

José de Abreu, por sua vez, argumentou que sua manifestação foi sim de cunho político, com o uso da liberdade de expressão. O magistrado, no entanto, não se convenceu.

– No presente caso, há manifesto abuso do direito de liberdade de manifestação culminando em ato ilícito por violação da honra do autor, que independe da demonstração de prejuízo, vez que este se manifesta na própria ofensa – escreveu o juiz.

Por: Pleno.News