Page Nav

HIDE

Bolsonaro chora em discurso de Michelle pelo Dia da Mulher

  O presidente Jair Bolsonaro derramou lágrimas durante o evento   Brasil pra Elas, por Elas e com Elas , no Palácio do Planalto, nesta terç...

 

O presidente Jair Bolsonaro derramou lágrimas durante o evento Brasil pra Elas, por Elas e com Elas, no Palácio do Planalto, nesta terça-feira (8), Dia Internacional da Mulher. O chefe do Executivo ouviu o pronunciamento da primeira-dama Michelle Bolsonaro visivelmente emocionado.

Michelle homenageou as mulheres presentes, disse que precisou aceitar “palavras negativas e acusadoras” e chegou a chamar Bolsonaro de o “presidente mais cor de rosa do Brasil”.

– A vitória não pertence às mais fortes. A vitória pertence às mais apaixonadas. E eu sou apaixonada pelo que eu faço, eu escolhi fazer a diferença como essas mulheres que estão aqui presentes. Para isso, precisei vencer obstáculos, superar meus limites, aceitar palavras negativas e acusadoras. Afinal, só atiram pedras em árvores que dão fruto – assinalou Michelle.

– Com o governo do meu esposo, o presidente mais cor de rosa do Brasil, o Brasil tem uma ministra que cuida da mulher indígena, com deficiência, da quilombola, cigana, da rural, com doença rara, da mãe, cuidadora, imigrante, refugiada, escalpelada, albina, da com nanismo e de todas as mulheres do Brasil – continuou a primeira-dama.

Em seu momento de discursar, Bolsonaro declarou que as mulheres são “praticamente integradas à sociedade”.

– Naquele meu tempo, é história: a mulher era professora ou dona de casa. Hoje em dia, as mulheres são praticamente integradas à sociedade. Nós a auxiliamos, estamos sempre ao lado delas. Não podemos mais viver sem elas – declarou.