Page Nav

HIDE

Sobrevivente da escola em Suzano morre ao salvar gato

  Sobrevivente do massacre na escola Raul Brasil, em Suzano (SP), em 2019, o jovem Rosnei Marcelo Grotewold, de 18 anos, morreu nesta semana...

 

Sobrevivente do massacre na escola Raul Brasil, em Suzano (SP), em 2019, o jovem Rosnei Marcelo Grotewold, de 18 anos, morreu nesta semana após sofrer uma descarga elétrica. Ele havia subido no telhado do vizinho para tentar resgatar a gata da família.

Segundo testemunhas, o rapaz encostou na fiação elétrica que passava em cima da casa. O socorro chegou a ser acionado, e foram feitas manobras de reanimação. No entanto, ele teve a morte declarada ainda no local.

– Estamos sendo fortalecidos por Deus – afirmou o pai de Rosnei, o pastor Sergio Luciano, ao site Uol.

A gata da família não chegou a ser atingida pela descarga elétrica, e sobreviveu.

MASSACRE EM SUZANO
Na ocasião do ataque à Escola Estadual Professor Raul Brasil, em março de 2019, Rosnei teria ficado sob a mira de um dos atiradores. No entanto, o assassino ficou sem munição, o que deu tempo para que o rapaz fugisse.

Ao todo, dez pessoas morreram no ataques, entre alunos e funcionários. Os ex-alunos Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25, foram os autores da chacina.

Por:Pleno.News