Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Em Ceilândia, quase 400 imunizados, de 72 e 73 anos, em ação da Sejus



Com foco na imunização de idosos de 72 e 73 anos, a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), levou a quinta edição da ação Sua Vida Vale Muito Vacinação para a Praça dos Direitos, na QNN 13, em Ceilândia. A vacinação aconteceu durante dois dias, na quinta-feira, (18) e nesta sexta-feira (19), das 9h às 17h.

Reforçando a atenção que o momento atual exige, a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, enfatizou que a união do GDF faz toda diferença no enfrentamento à covid-19. “A cada pessoa imunizada, vamos avançando no combate ao coronavírus. As medidas tomadas pelo GDF são necessárias e o governador Ibaneis Rocha tem mostrado isso ampliando a vacinação dos idosos de forma célere. A Secretaria de Justiça e Cidadania está à disposição para trabalhar onde for necessário”.

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, elogiou o processo de vacinação pelo Programa Sua Vida Vale Muito. “Essa parceria tem dado certo e está sendo mantida porque tem trazido bons resultados para a vacinação desse público idoso, que precisa ser imunizado o quanto mais cedo possível”.

Dona Francisca Alves de Campos, de 72 anos, foi imunizada. Ao lado da filha, a professora Daguimar Rodrigues Almeida, 49 anos, ela relatou o que vivenciou desde o início da pandemia. “Ficamos isoladas, tomamos todos os cuidados e evitamos ver até o noticiário. Meu psicológico não estava bem, causou ansiedade, era difícil ver o sofrimento das pessoas. Então, esse momento representa uma alegria imensa . A vacina vem para prolongar nossa vida”.

Quem também garantiu a vacina foi a senhora Júnia Angélica Neto Canto de Macedo, de 73 anos. “Após um período de apreensão, ansiedade, sem saber o que iria acontecer no dia de amanhã, finalmente chegou minha vez. São momentos importantes assim que servem para salvar vidas”, relatou feliz.

O tempo médio de espera da população prioritária para receber a primeira dose do imunizante foi de menos de meia hora. Trinta servidores da Sejus e 31 voluntários, entre profissionais e estudantes de medicina e enfermagem de instituições de ensino de Brasília, cadastrados no site do voluntariado, foram responsáveis por cuidar da logística e da recepção dos idosos. A Caesb foi parceira fornecendo água mineral ao público.

Não foi necessário agendamento para participar da ação itinerante, porém, foi preciso apresentar documento de identificação com foto.

*Com informações da Sejus

Postar um comentário

0 Comentários

Páginas