Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

Rodrigo Pacheco derrota Simone Tebet e é eleito novo presidente do Senado

Rodrigo Pacheco (DEM-MG) é o novo presidente do Senado Federal. O democrata recebeu 57 votos na eleição, realizada na tarde de hoje (1º), e ...



Rodrigo Pacheco (DEM-MG) é o novo presidente do Senado Federal. O democrata recebeu 57 votos na eleição, realizada na tarde de hoje (1º), e derrotou a única adversária, Simone Tebet (MDB-MS), que somou 21 votos.

Pacheco era favorito ao cargo, uma vez que costurou uma rede de apoios que tinha DEM, PDT, PL, Pros, , PP, PSD,  e Republicanos. Além disso, foi beneficiado pelo “racha” do MDB na reta final de campanha. Sem unidade na bancada – maior do Senado, com 15 parlamentares -, o partido deixou Simone Tebet, que seguiu como candidata independente.

As articulações do democrata em busca de votos envolveram a liberação de emendas extra orçamentárias, na ordem dos R$ 3 bilhões, como revelou o Estadão. A verba é do Ministério do Desenvolvimento Regional e só entrou nas negociações por voto devido à “bênção” do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a Rodrigo Pacheco.

Simone, por outro lado, teve percalços. O primeiro deles foi a demora em sair candidata, uma vez que a concorrência interna no MDB era grande. Quando confirmada, o adversário já contava com uma série de partidos em sua aliança, inclusive o .

Durante a campanha, a sul-mato-grossense conseguiu os apoios integrais de Cidadania e PSB. O Podemos anunciou adesão, mas liberou dissidentes. No , três dos sete parlamentares fecharam questão com Simone Tebet.

Hoje, Jorge Kajuru (Cidadania-GO), Major Olimpio (-SP) e Lasier Martins (Podemos-RS) retiraram suas candidaturas em apoio a Simone.

O senador  (PSD-MS) foi o responsável por apurar os votos. Dos 80 senadores aptos a votar, 78 o fizeram.

Rodrigo Pacheco deve tomar posse e convocar reunião para a escolha dos demais integrantes da Mesa – dois vice-presidentes e quatro secretários, bem como respectivos suplentes – ainda hoje. 

Por Midiamax

Nenhum comentário

Publicidade rodapé