Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

Bruno Covas apresenta novo nódulo no fígado e passa por quimioterapia

. O prefeito de São Paulo,  Bruno Covas (PSDB) , iniciou nesta quarta-feira (17/2) uma nova etapa de quimioterapia após o surgimento de um n...

.


O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), iniciou nesta quarta-feira (17/2) uma nova etapa de quimioterapia após o surgimento de um novo nódulo no fígado. Os médicos descobriram a presença do gânglio em uma consulta de exame de controle. Ele trata atualmente um câncer diagnosticado na cárdia, entre o estômago e o esôfago.

De acordo com boletim médico do Hospital Sírio Libanês, Covas está “bem disposto, alimentando-se bem e recuperando peso após período de radioterapia”. Ainda, informa que exames de imagem foram realizados nesta quarta e “evidenciaram sucesso da radioterapia no controle dos linfonodos, próximos ao estômago”. Quem assume a prefeitura neste período é o vice Ricardo Nunes.

Por conta do novo nódulo no fígado, o prefeito passará por um protocolo de quimioterapia, interrompendo a imunoterapia. Ao todo, serão quatro sessões de 48 horas, com intervalos de 14 dias entre cada uma. Ele deve ser liberado no sábado (20/2).

“Novos exames de imagem para controle serão realizados ao final deste ciclo”, informou o Sírio Libanês.

O prefeito Covas é acompanhado pelas equipes médicas coordenadas pelos especialistas David Uip, Roberto Kalil, Artur Katz, Tulio Eduardo Flesch Pfiffer, João Luis Fernandes da Silva, Fernando Ganem e Angelo Fernandez.

Licença médica

Em 18 de janeiro, Covas pediu licença não remunerada de 10 dias depois de passar por uma etapa de tratamento do câncer. Na ocasião, o gestor estendeu o afastamento e foi alvo de críticas nas redes sociais por assistir à final da Libertadores no Estádio do Maracanã (RJ) entre Palmeiras e Santos, no dia 30 de janeiro. Ele é torcedor da equipe santista.

Por Metrópoles 

Nenhum comentário

Publicidade rodapé