Page Nav

HIDE

Lula compara Petrobras a Jesus e diz que empresa foi crucificada

  Segundo ex-presidente, petroleira foi alvo de "mentiras" nos últimos anos O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou...




 Segundo ex-presidente, petroleira foi alvo de "mentiras" nos últimos anos

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou, nesta terça-feira (29), que a Petrobras foi alvo de “mentiras” que prejudicaram o desenvolvimento da petroleira nos últimos anos. Em um paralelo com a história de Jesus Cristo, ele disse que a empresa foi “crucificada” para ser usada em “narrativas” contrárias aos governos petistas.

– A primeira coisa que eles fizeram para destruir a Petrobras foi contar todas as mentiras que contaram a ponto de os trabalhadores da Petrobras muitas vezes não conseguirem entrar em um restaurante, porque eram chamados de “ladrões”. (…) O que fizeram com a Petrobras foi crucificar a mais importante empresa que nós tínhamos no Brasil, uma empresa que não era de petróleo, era muito mais do que isso – disse o ex-presidente.

As falas ocorreram durante um evento da Federação Única dos Petroleiros (FUP), ocorrido em um hotel de Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

Na ocasião, Lula criticou a mudança na presidência da estatal, determinada pelo presidente Jair Bolsonaro, nessa segunda-feira (28), após sucessíveis aumentos no valor dos combustíveis. E embora tenha dito que não faria prejulgamentos sobre o novo indicado do governo para gerir a estatal, ele sugeriu que o economista Adriano Pires é “lobista”.

– Eu não conheço essa pessoa. Por isso, não vou falar mal do cara que assumiu. Mas vi, dos dois trechos de notícias que li hoje, que ele é lobista, e muito mais ligado às empresas estrangeiras do que às nossas. Faz parte de um grupo seleto de personalidades que não aceita que o petróleo é nosso – declarou Lula.

*Com Informações do Pleno.News