Page Nav

HIDE

“Peladona” fotografada em delegacia do RJ é casada com policial

  Conhecida como a “peladona” da delegacia por ter sido filmada e fotografada nua na 129ª DP (Iguaba Grande), Região do Lagos, a mulher é ca...

 

Conhecida como a “peladona” da delegacia por ter sido filmada e fotografada nua na 129ª DP (Iguaba Grande), Região do Lagos, a mulher é casada com o inspetor que estava de plantão na unidade. O ensaio feito pelo marido se tornou público em setembro do ano passado quando as fotos viralizaram em grupos nas redes sociais.

Pelo menos cinco pessoas já foram ouvidas em um procedimento da Corregedoria da Polícia Civil e enviado ao Ministério Público (MP). Segundo os relatos, o inspetor realizou o sonho da mulher de transar na delegacia. Ele, então, esperou não ter mais colegas por perto para matar a vontade da esposa.

As imagens, segundo as investigações, só vazaram porque eles decidiram encaminhá-las para um grupo de swing (amigos que trocam de casais), do qual fazem parte. Algum integrante do grupo compartilhou a façanha do casal na internet, e as imagens acabaram ganhando as redes sociais e servindo de base para sindicância da Corregedoria.

Outro pilar da investigação é perícia que está sendo feita pelo Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE), com autorização da Justiça, no telefone do policial. A “brincadeira sexual” pode custar a suspensão do inspetor por até 90 dias, com interrupção do pagamento do salário pelo período.

Por: Terra Brasil Notícias