Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

Joe Biden vence na Pensilvânia e é eleito presidente dos Estados Unidos

A pós quase 90 horas de apuração, os  Estados Unidos  definiram o seu novo presidente nesta sexta-feira (6/11).  Joe Biden , candidato do Pa...





A pós quase 90 horas de apuração, os Estados Unidos definiram o seu novo presidente nesta sexta-feira (6/11). Joe Biden, candidato do Partido Democrata, conseguiu número suficiente de delegados do colégio eleitoral norte-americano para se tornar o 46º presidente do país. A notícia é uma projeção da NBC, CBS e CNN.

Na liderança durante maior parte da apuração, Biden confirmou o resultado ao virar sobre o presidente Donald Trump na Pensilvânia e emplacar 273 dos 270 delegados necessários.

O presidente Donald Trump, contudo, não reconheceu imediatamente a vitória do rival e a perda da reeleição. Com processos judiciais contra a apuração em Michigan, na Pensilvânia e na Geórgia, e um pedido de recontagem no Wisconsin ainda sem decisão, o republicano insiste que a eleição não acabou.

Recorde de votos

A eleição teve o maior número de votos da história. Presencialmente ou pelos correios, mais de 150 milhões de americanos exerceram o direito de eleger o presidente.

A apuração é considerada uma das mais demoradas da história, em função dos 60 milhões de votos não presenciais. A modalidade se tornou popular devido à pandemia de Covid-19 que assolou os Estados Unidos.

O presidente eleito pregou durante todo o processo a união dos americanos e o valor de cada voto, enquanto o republicano Donald Trump se agarrou à judicialização do processo eleitoral, alegando fraude na contagem dos votos antecipados.

A vitória foi apertada. O democrata venceu em Washington, Oregon, Califórnia, Colorado, Novo México, Minnesota, Wisconsin, Michigan, Illinois, Virginia, Maryland, Delaware, Nova Jérsei, Connecticut, Rhode Island, Massachusetts, Maine, New Hampshire, Virgínia, Columbia e no Havaí. Mas foram os resultados positivos na Geórgia e na Pensilvânia que garantiram Joe Biden como novo o presidente do país.

Por Metrópoles 

Nenhum comentário

Publicidade rodapé