Page Nav

HIDE

Globo é condenada a indenizar goleiro Sidão em R$ 30 mil

  O Tribunal de Justiça de São Paulo condenou a Rede Globo a indenizar o goleiro do Vasco, Sidão, em R$ 30 mil, por danos morais. O caso diz...

 

O Tribunal de Justiça de São Paulo condenou a Rede Globo a indenizar o goleiro do Vasco, Sidão, em R$ 30 mil, por danos morais. O caso diz respeito ao constrangimento causado ao atleta em 2019, na entrega do troféu Craque do Jogo.

Na ocasião, o Vasco havia perdido para o Santos após uma falha de Sidão. Em razão de uma mobilização na internet, o goleiro foi escolhido por internautas o destaque da partida de forma irônica. Seguindo o protocolo, a Globo entregou o troféu a Sidão, que se encontrava triste após seu desempenho no jogo.

Para o juiz Antonio Conehero Júnior, a Rede Globo poderia ter evitado constranger o atleta.

– Nada impedia a ré [Globo] de anunciar o resultado da enquete com os torcedores. Estaria cumprindo seu dever de informar. Mas a ré foi além, e fez a entrega do troféu, incorrendo em evidente exercício abusivo de direito – avaliou o magistrado.

Além da indenização, o magistrado determinou que a emissora pague as custas processuais.

Em maio de 2019, a Rede Globo pediu desculpas a Sidão e anunciou mudanças nas regras do Craque do Jogo. Desde então, a eleição leva em conta não somente a escolha do público, mas também dos comentaristas da partida.

Por: Pleno.News