Page Nav

HIDE

Vídeos mostram racha entre BMW e caminhonete que matou adolescente de 15 anos

  Imagens de câmeras de segurança registraram a disputa de racha entre uma caminhonete Hilux e uma BMW na madrugada desse sábado (7/5), em G...

 

Imagens de câmeras de segurança registraram a disputa de racha entre uma caminhonete Hilux e uma BMW na madrugada desse sábado (7/5), em Goiânia, que culminou na morte de uma adolescente de 15 anos.

Os veículos disputavam corrida, segundo a Polícia Civil de Goiás (PCGO), por volta das 5h, quando o rapaz de 22 anos que conduzia a caminhonete perdeu o controle da direção em um cruzamento no Setor Jardim América, invadiu a ilha central e capotou.

Câmeras de comércios da Avenida T-9 registraram o momento em que os veículos passaram correndo pela via.

Minutos depois, outras câmeras logo à frente pegaram o momento em que a caminhonete capota, chegando a soltar uma das rodas. O motorista que conduzia a BMW estacionou sobre uma calçada e desceu do carro para verificar o ocorrido, mas deixou o local em seguida sem falar com a polícia.

Três garotas estavam dentro da Hilux como passageiras, incluindo a vítima que perdeu a vida, Marcella Sonia Gomes do Amaral. A adolescente estava no banco de trás. Ela teve o corpo arremessado para fora e foi encontrada sem vida a 20 metros de distância de onde o veículo parou, tamanha era a velocidade da caminhonete.

O caso está sob investigação da Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito de Goiânia (Dict). O motorista da caminhonete, identificado como Eduardo Henrique de Souza Rezende foi socorrido e está internado.

As demais passageiras, todas com idade acima de 18 anos, também foram hospitalizadas. Anna Luiza de Almeida Sucupira estava no banco da frente e as demais, Mirella das Neves Silva e Andressa Gonçalves da Silva, estavam como passageiras, ao lado de Marcella.

Elas ficaram presas às ferragens, mas foram socorridas com vida pelo Corpo de Bombeiros.

Jovens estavam em boate

O grupo de jovens, conforme a investigação, havia saído de uma boate instantes antes e todos teriam ingerido bebida alcoólica. O motorista da BMW foi identificado como Arthur Yuri.

Até o final do sábado, a polícia ainda tentava encontrá-lo. Ele fugiu do local. Sabe-se que ele é morador do Granville, condomínio fechado de Goiânia. Agentes estiveram no endereço dele, mas ninguém foi encontrado em casa.

Apesar de ter menos de 18 anos, Marcella teria conseguido entrar na boate onde o grupo passou a noite, porque conhecia os donos do local. Os proprietários da balada deverão ser ouvidos pela polícia.

Com informações do Metrópoles