Page Nav

HIDE

STF forma maioria para manter prisão de Zé Trovão

  A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria para rejeitar o pedido de Habeas Corpus (HC) impetrado pela defesa do ca...

 

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria para rejeitar o pedido de Habeas Corpus (HC) impetrado pela defesa do caminhoneiro Marco Antonio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão. Este era o último HC do caminhoneiro, preso no fim de outubro no âmbito do inquérito dos atos antidemocráticos.

O ministro Alexandre de Moraes ordenou a prisão de Zé Trovão no dia 1º de setembro por incitar “atos violentos” nas manifestações do dia 7 de setembro. O ativista chegou a ficar foragido no México por quase dois meses, mas retornou ao Brasil e se entregou à Polícia Federal (PF) no dia 26 de outubro.

Até o momento, três dos cinco ministros da Primeira Turma votaram pela rejeição do HC. São eles: Rosa Weber, Carmen Lúcia e o relator, Luís Roberto Barroso. Alexandre de Moraes se declarou impedido de votar, restando apenas o voto do ministro Dias Toffoli para o encerramento do julgamento.

Barroso justificou seu voto alegando que “a parte recorrente não trouxe novos argumentos suficientes para modificar a decisão ora agravada, que deve ser mantida pelos seus próprios fundamentos”.

Por: Pleno.News