Page Nav

HIDE

Gasolina chega a R$ 7,59 no DF. Veja onde abastecer mais barato

  Em alguns postos do Distrito Federal, o preço do litro da gasolina chegou a R$ 7,59. Há locais em que o valor aumentou na manhã dessa quar...

 

Em alguns postos do Distrito Federal, o preço do litro da gasolina chegou a R$ 7,59. Há locais em que o valor aumentou na manhã dessa quarta-feira (3/11), passando, por exemplo, de R$ 7 para R$ 7,29 no posto Petrobras, em Sobradinho.

Com o último reajuste, as distribuidoras aumentaram 0,34 centavos do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e 0,15 centavos no Etanol Anidro. Novo valor começou a valer na segunda-feira (1°/10) e provocou aumento no preço do produto no DF.

De acordo com o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis do DF (Sindicombustíveis-DF), o alívio do brasiliense é o congelamento do ICMS. “O último reajuste já reflete no preço de bomba. O GDF congelou o ICMS por 90 dias, mas, antes de congelar, houve este reajuste que pesa mais o bolso do povo. E o preço da gasolina ainda pode subir mais com possíveis reajustes da Petrobras ou do Etanol Anidro, que tem subido toda semana”, explica o presidente do sindicato, Paulo Tavares.

O Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) — órgão composto por secretários de Fazenda dos estados e do Distrito Federal — aprovou, na sexta-feira (29/10), o congelamento do valor do ICMS cobrado nas vendas de combustíveis por três meses.

Pesquisa feita pelo Metrópoles da manhã desta quarta indica que, apesar do reajuste nas distribuidoras, ainda há estabelecimentos que não repassaram o valor para a bomba. O preço do litro da gasolina comum varia de R$ 6,79 a R$ 7,59 no DF. Confira os preços em alguns postos:

Posto Petrobras (Sobradinho- St. Comercial Central Q 2 ) – R$ 7,29 no crédito e débito;

Posto Shell (Águas Claras- Q. 107 Lote 13) – R$ 7,29 no crédito e débito;

Posto Pioneiro (Núcleo Bandeirante) – R$ 7,29 no débito e R$ 7,49 no crédito;

Posto Nenen’s (Taguatinga) – R$ 6,89 no débito e R$ 6,99 no crédito;

Posto Jarjour (Taguatinga – CSB 8) – R$ 6,89 no débito, e R$ 6,99 no crédito;

Posto RPM (Samambaia) – R$ 6,99 no débito e R$ 7,07 no crédito;

Posto Jade (Asa Norte- 410 Norte) – R$ 7,39 no débito e crédito;

Posto Itamaraty (Asa Sul -115 Sul) – R$ 6,79 no débito e crédito;

Brasal Combustíveis (Setor de Indústria e Abastecimento) – R$ 7,59 no crédito e 7,29 no débito.

Falta de estoque

O Sindicombustíveis ressaltou que a Petrobras não terá produto suficiente para o mercado já a partir de novembro. As distribuidoras teriam cotas até o final de outubro, mas a partir do mês de novembro, a falta de estoques pressionará um aumento nas bombas, seja pela falta ou pela importação.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse, nessa segunda-feira (1º/11), em entrevista coletiva concedida na Itália, após reunião do G20, que a Petrobras vai anunciar novo reajuste nos preços dos combustíveis nos próximos 20 dias.

Por: Metrópoles

Nenhum comentário