Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

Empresa abre vagas para trabalhar de qualquer lugar do mundo

Na BriviaDez, agência de estratégia digital e comunicação, é possível ser um nômade digital e ter carteira de trabalho assinada. A empresa e...



Na BriviaDez, agência de estratégia digital e comunicação, é possível ser um nômade digital e ter carteira de trabalho assinada. A empresa está contratando para mais de 20 vagas para trabalhar de forma totalmente remota, com a liberdade para montar seu escritório em qualquer lugar do mundo.

Para Izabela Cioffi, de 33 anos e analista de novos negócios do BriviaDez, o seu escritório se tornou a casa dos pais em Belo Horizonte, onde a empresa não tem sede.

“Quando me formei em publicidade, sabia que o meu caminho natural seria ir para São Paulo algum dia”, conta ela.

Quando foi contratada pela BriviaDez há mais de dois anos, ela já esperava a mudança e foi animada para a capital paulista. Mas a pandemia trouxe a angústia de ficar distante da família. Com o contrato de aluguel do apartamento que dividia com outras colegas para acabar, ela pediu para voltar.

O diretor de capital humano da empresa, João Andrade, de 35 anos, também estava em busca de um estilo de vida diferente quando trocou o apartamento em Joinville por um sítio a 25 quilômetos da cidade.

Com a liberdade do escritório ser um qualquer lugar (mesmo), ele percorreu mais 700 quilômetros para São Borja, sua cidade natal. Com o aniversário de 70 anos do pai se aproximando e seu filho recém-nascido para cuidar, a mudança veio na melhor hora.

“Vivi até os 17 anos no interior e me mudei para a cidade para estudar e trabalhar. Eu sentia falta dessa sensação de amplitude, aqui temos uma visão natural de até 15 km”, conta.

As mudanças de localidade na pandemia foram muito bem recebidas e agora são estimuladas com as novas contratações.

Em julho do ano passado, a empresa abriu 60 vagas de emprego no modelo remoto e recebeu um retorno surpreendente: mais de 15 mil profissionais se candidataram. As variadas oportunidades, de redator a cientista de dados, atraíram pessoas de todos os estados brasileiros, do Distrito Federal e mais de 20 países.

Antes da pandemia, a empresa fundada em 2007 já havia adaptado sua forma de trabalho para permitir o home office e a cooperação entre funcionários alocados em seus escritórios de São Paulo, Porto Alegre, Novo Hamburgo, Florianópolis, Joinville, Brasília e, agora, Lisboa.

O trabalho na nuvem permitia que profissionais alocados em cidades diferentes colaborassem no mesmo projeto. A ida de todos para suas casas em tempo integral na pandemia foi o empurrão final para que a empresa adotasse o nomadismo como parte de sua cultura.

No momento, as oportunidades são nas áreas de growth, estratégia, dados, TI, scrum master, gerenciamento de projetos, client service, criação, experience design, mídia e produção publicitária.

Algumas posições, como cargos de liderança, exigem que a pessoa tenha algum contato em escritórios, mas ainda tem a orientação de operar remotamente na maior parte do tempo.

“A Brivia vem crescendo ano a ano, conquistando novas contas, entrando em novos mercados, abrindo operações em vários estados do Brasil e até fora. Nossa mais importante matéria-prima são as pessoas. Por isso, é tão importante atrairmos talentos e diversidade de perfis, onde quer que esses profissionais estejam”, aponta o diretor.

Para os próximos anos, a agência também quer romper limites geográficos e expandir sua operação na América Latina e Estados Unidos. Depois, a China e Oriente Próximo estão no radar.

Por: Terra brasil notícias

Nenhum comentário

Publicidade rodapé