Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

Dois ex-administradores da gestão Ibaneis têm se destacado no GDF

Por Helio Rosa Na gestão do governador Ibaneis Rocha (MDB), ambos fazem parte do Programa  GDF  Presente, na Coordenadoria das Cidades, num...



Por Helio Rosa

Na gestão do governador Ibaneis Rocha (MDB), ambos fazem parte do Programa GDF Presente, na Coordenadoria das Cidades, numa divisão chamada de (Pólos). Germano Guedes Leal, integra o Pólo Sul, e Vânia Gurgel, o Pólo Central/Regional, e aos poucos, os dois ex-gestores mostram que são capazes de estar dentro da estrutura governamental, colaborando muito com a gestão sobre o comando do secretário de governo José Humberto Pires e do secretário das cidades Dr. Valmir Lemos.

Hoje vamos nos dirigir mais à figura pública de Germano Guedes, observando o seu perfil nas redes sociais e no portal Agência Brasília, o ex-administrador da SCIA Estrutural Germano Guedes tem mantido o mesmo pique no GDF, mostrando ser um verdadeiro gestor trabalhando nas cidades do Gama, Santa Maria, Recanto das Emas, Riacho Fundo I e Riacho Fundo II, ele tem cooperado com as ações dos administradores das cincos regiões administrativas com o Programa GDF Presente, na coordenação do Pólo Sul.

As ações têm refletido diariamente na gestão dos administradores destas regiões administrativas com ações de tapa-buraco, poda de árvores, recuperação de meios-fios, desativação de lixões clandestinos, recolhimento de entulho das ruas entre outras ações do Programa GDF Presente.

Germano tem experiência na administração pública, ele já trabalhou na Câmara dos Deputados, Secretaria de Esportes do DF, Administração Regional do Riacho Fundo II e Samambaia. Em 2019, foi convidado pelo governador Ibaneis Rocha para assumir como Administrador Regional de uma das cidades mais problemáticas do DF, a região administrativa da Estrutural, foi uma gestão bem democrática e que sempre buscava ouvir os empresários e a comunidade da cidade.

Permaneceu no cargo até setembro de 2019, trabalhou igual a um trator, mas por motivo de muitas perseguições pediu exoneração do cargo e assumiu a coordenação do Programa GDF Presente na área sul de Brasília.

Por Bsb Times 


Nenhum comentário

Publicidade rodapé