Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

“Vida de mulher de traficante não vale nada”, desabafa pai de jovem morta

O corpo da jovem Bianca Lourenço, morta após publicar uma foto de biquíni nas redes sociais, foi enterrado no Rio de Janeiro nesta quinta-fe...




O corpo da jovem Bianca Lourenço, morta após publicar uma foto de biquíni nas redes sociais, foi enterrado no Rio de Janeiro nesta quinta-feira (14). Por medo de represália, a família não pôde se despedir da vítima.

Dias desaparecido, o cadáver encontrado teve a identidade confirmada pelo Instituto Médico Legal (IML). Em entrevista ao SBT, o pai da garota revelou quase “ter infartado ao receber o laudo”.

O principal suspeito do crime é Dalton Vieira Santana, suposto chefe do tráfico de drogas na Favela da Kelson’s, na Penha. À reportagem, o professor de artes marciais afirmou “nunca ter aprovado o relacionamento”. 

“Não nos gostávamos. Nunca quis isso [namoro]. Tentei a todo momento tirá-la da comunidade, dele, pois nunca dormia direito”, garante.

Bianca e DT, como é conhecido, ficaram juntos por oito meses, mas estavam separados há dois. O criminoso, no entanto, nunca aceitou o término da união.

O homem, que não terá a identidade revelada por questão de segurança, relata ter sido ameaçado no Facebook por pessoas ligadas a Dalton, devido a repercussão do caso. 

Sonho interrompido

Aos 24 anos, Bianca era cheia de sonhos e o maior entre tantos era ser maquiadora, além de voltar a estudar. 

De acordo com as investigações, a garota foi raptada em um churrasco com amigos a mando do chefe do tráfico no início do mês. 

Ao SBT, o pai da menina espera que o triste caso de feminicídio sirva como alerta.

“O caso da Bianca vai alertar muito pai que mora ou não em comunidade. Vai alertar as meninas que essa vida de mulher de traficante não vale nada, pois eles não amam ninguém. Nem a si próprio”, atesta. 

Até o momento, ninguém foi preso.

Um comentário

  1. Se era cheia de sonhos então não devia ter se envolvido com bandido né? Aff!

    ResponderExcluir

Publicidade rodapé