Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Publicidade abaixo de destaque

Polícia Civil prende autor de grande roubo a joalheria em shopping do DF; VEJA VÍDEO

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da Coordenação de Repressão a Crimes Patrimoniais (Corpatri), prendeu um dos envolvidos...




A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da Coordenação de Repressão a Crimes Patrimoniais (Corpatri), prendeu um dos envolvidos no assalto a uma joalheria do shopping DF Plaza, em Águas Claras. A ação, que ocorreu em dezembro de 2020, foi batizada de Operação Salutare.

Os investigadores constataram que pelo menos quatro pessoas participaram do crime. Três delas foram identificadas pela polícia – dois adolescentes e um homem, preso na operação.

Quanto aos menores de 18 anos, foi encaminhado um relatório para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) II. A unidade realizou as medidas pertinentes, visando à responsabilização dos infratores, e aguarda posicionamento do judiciário. Em relação ao quarto indivíduo, ainda não identificado, a PCDF informou que dará continuidade às apurações.

O homem apreendido na operação foi indiciado por roubo majorado por concurso de pessoas e uso de arma de fogo, por denunciação caluniosa e corrupção de menores.

Assalto

As investigações da Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos (DRF), da Corpatri, duraram dois meses. O crime ocorreu em 6 de novembro de 2020. Neste dia, pelo menos quatro criminosos chegaram ao centro comercial em um Citroën C3 prata.

Na ocasião, um dos envolvidos dirigia o veículo e ficou dentro do automóvel para garantir a fuga dos demais. Três homens desceram do carro, entraram no shopping e se dirigiram à joalheira Vivara.

Um dos acusados, de camisa vermelha, passou em frente à loja, observou e seguiu para um ponto estratégico, de onde agiria como sentinela, em auxílio aos outros dois comparsas, que chegaram logo em seguida.

Leia também:

Nenhum comentário

Publicidade rodapé