Pai é preso no DF por matar o filho após ele agredir a esposa


Marcelo Machado Guedes, 50 anos, foi preso na madrugada desta quarta-feira (28), no Distrito Federal, suspeito de matar o filho com um tiro no peito após ele agredir a esposa. O crime ocorreu em um apartamento na Ceilândia Sul por volta de 0h30. A vítima e a mulher moravam no apartamento; e, de acordo com testemunhas, o pai da vítima estava fazendo uma visita.

Ainda de acordo com os vizinhos, cerca de meia hora antes do disparo, houve uma intensa discussão, e a Polícia Militar do Distrito Federal foi acionada.

– Ele [o marido] começou a agredir a mulher, e o pai [do rapaz] foi apartar a briga. Eles discutiram, e o filho ficou falando [para o pai]: “Atira, atira”. Aí, ele atirou. Isso foi por volta de 30 minutos depois – relatou um dos moradores do prédio.

Após o disparo, o pai do rapaz saiu do apartamento sujo de sangue. Policiais militares do DF chegaram minutos depois, prenderam o suspeito e o encaminharam à delegacia. O homem baleado, identificado pela Polícia como Jerzley Guedes, de 32 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. As brigas seriam uma constante entre os envolvidos.

– Não é a primeira vez que isso acontece. Aconteciam brigas entre o filho e a mulher constantemente, e o pai [dele] sempre vinha para intervir – continuou a testemunha.

Marcelo foi levado para a 15ª DP. Segundo a corporação, a esposa da vítima presenciou o crime, mas ainda não prestou depoimento, por estar com o emocional abalado. O suspeito optou por permanecer em silêncio, e o caso será investigado como homicídio.

Por: Pleno News

Postar um comentário

0 Comentários

Páginas